Miguel – A Perda dos Entes Queridos

Queridos! EU SOU O ARCANJO MIGUEL!

Quero aproveitar este momento, para trazer algumas explicações para vocês. Infelizmente, neste momento da própria transição do planeta é aquele momento em que muitas almas se preparam para irem embora. se preparam para deixar a roupagem física e por que agora?

Já foi dito aqui várias vezes que cada alma ao encarnar nesta dimensão foi instruída e tomou conhecimento de tudo o que aconteceria no planeta. E naquele momento ela fez uma escolha: passar por tudo, ser uma pioneira ou passar como espírito, como uma energia consciente. Então muitas fizeram suas escolhas e posso garantir que todas as escolhas estão sendo respeitadas.

Existe a chance de mudança? Sim, sempre há, se o Eu Superior achar que aquele fractal está pronto para mudar de ideia, de deixar de ir embora do corpo e passar nele, ele permitirá e uma nova escolha acontecerá. O contrário também é verdadeiro. muitas almas fizeram o acordo de passarem pelo corpo físico. mas não estão suportando toda a mudança e escolhem o contrário, irem embora.

Então sempre há aqui o respeito, a decisão de cada alma, de cada Eu Superior. Mas muitos se perguntam como passar por tudo isso; eu estou na caminhada para a Quinta Dimensão então como devo me comportar? O que devo fazer para não atrapalhar a minha caminhada? O que devo fazer para ajudar esta alma que está indo embora?

Esta pergunta é importante, porque muitos escolhem viver um luto eterno, afirmam que um pedaço de si se foi. Não estou contestando o tamanho da dor, o que é importante observar é como a dor será vivida. Então para aqueles que estão na caminhada, estão na direção da Quinta Dimensão, a resposta não é simplesmente virar as costas e ignorar tudo. É claro que existe uma dor, existem sentimentos envolvidos.

Então eu diria que a dor tem que ser vivida, mas com cautela. É como já disse aqui várias vezes: vocês têm um hábito de cultuar um corpo morto, isto é bizarro, não tem o menor sentido. Mas vocês aprenderam assim e será muito difícil mudar. Então para aqueles que estão na caminhada, o momento é de não olhar para aquele corpo, não ter saudades daquele corpo. É ter saudade do ser que se foi, é ter saudade dos momentos vividos e principalmente, enviar muita Luz para aquela alma que acabou de se desligar do corpo.

Cada alma tem as suas escolhas, cada alma construiu ao longo da caminhada um quantum de energia. Muita Luz, mais ou menos Luz, pouquíssima Luz ou cultuou as sombras. Cada alma já fez a sua escolha na sua própria caminhada. Então ao se desligar do corpo físico, ela será envolvida pelas mesmas energias que ela cultuou. Se ela cultuou Luz, Amor, respeito a Deus Pai/Mãe, os anjos tomarão conta de sua alma e ela será envolvida em puro Amor e será tratada conscientizada da sua nova condição. Mesmo aquelas com pouca Luz, passam por este processo.

As que escolhem as sombras, serão captadas pelas sombras porque foi uma escolha dela, nada podemos fazer. É claro que no momento da passagem, do desligamento do corpo, a alma tem dois caminhos: ela pode continuar aquele que ela cultuou uma existência inteira ou pode mudar de sombra para a Luz, como de Luz para a sombra, ela terá os dois caminhos a escolher e ela faz a escolha.

Então entendam, que cada energia que se solta do corpo, não está desamparada. Ela terá a sua volta, os seres que ela escolher ter ou durante sua caminhada ou naquele momento. Então como viver esta dor? Chorem, coloquem para fora todo o sentimento, mas nunca com revolta. Não pode haver revolta, por que revolta? Foi uma escolha daquela alma, então a revolta é falta de respeito pela escolha daquela alma. O que pode ser vivido no momento? A tristeza, a saudade, mas também com um tempo definido, não é se entregar a tristeza e se entregar a saudade. Porque aí você estará esquecendo toda a sua caminhada, estará esquecendo que um dia você também passará por isso, não importa quando, mas passará, porque este é o caminho.

Não foi privilégio nem castigo, para aquela alma se desassociar do corpo físico, todos passarão por isso um dia. Então como viver o sentimento? Com ternura, dentro do maior equilíbrio possível. Viva aquele momento sinistro, macabro, de ficar olhando um corpo morto, coloque ali todas as suas angústias, tristezas e quando aquilo acabar, quando aquele momento acabar, ponha um ponto final no sofrimento. Troque o sofrimento pela saudade, mas uma saudade de gratidão, por ter vivido com aquela ou com aquele que está indo embora naquele momento.

É assim que vocês precisam viver, olhem para os bons momentos, riam muito, se lembrando dos bons momentos vividos. Agindo desta forma, vocês estarão fazendo bem para vocês e para a alma que se vai. Porque cada dor, cada sentimento, cada revolta, atinge aquela alma. É como se fosse uma ferida, que se abre naquele campo de energia e ela dói e ela sente a dor, ela sofre e passa a sofrer junto por ter deixado quem deixou.

Então tenham cuidado com os sentimentos que vocês vivem, não fiquem perguntando por quê. Cada porque, machuca a alma, foi uma escolha dela e quem fica precisa respeitar. Então o sentimento é apenas de emanar Luz, muita Luz, muito Amor, muito carinho e viver a saudade. Mas a saudade dos bons momentos, a saudade do tempo que esteve junto e deixar permitir que esta alma siga o seu caminho, que está alma viva as escolhas que fez. Eu garanto que desta forma, o coração de vocês fica manso mesmo com dor, mas ficará manso, porque lá no fundo, tem a consciência de que foi uma escolha dela e que nada você podia ter feito.

Este é o caminho que cada um de vocês, que está na caminhada para a Quinta Dimensão, precisa tomar. Vivam a saudade, não a tristeza, a dor precisa ser revertida em saudade e cada vez que o coração apertar, sejam gratos por terem vivido com aquela alma, por terem feito parte da caminhada dela e ela feito parte da caminhada de vocês.

Muitos estão dizendo aqui, agora: “Ah, isso é muito fácil para você, você não sabe o que é o sofrimento daqui da Terra.” Cuidado com suas palavras, porque todos nós sentimos exatamente o que acontece no coração de cada um que está conectado conosco. As minhas palavras aqui são para que vocês não se percam no caminho.

Pois este é um bom momento para se perder, é um bom momento para que vocês escolham o atalho da tristeza, do luto, da revolta e tudo isso levará vocês no sentido contrário da Quinta Dimensão.

Então isto é apenas uma forma de ajudar, de mostrar a vocês que não é por aí o caminho. Que revolta, tristeza, luto intenso, não trará a pessoa de volta e não fará bem a você também, fará mal a você e a alma que se foi. É isto que você quer? Você quer se autopunir e punir a alma que se foi? Então mais uma vez eu repito: cuidado com seus sentimentos, porque isto também reverberará contra você.

Não achem que somos insensíveis e não sabemos o sofrimento que vocês passam, sabemos e sentimos e exatamente por isso é que estou aqui trazendo o conforto, trazendo a orientação. Pois este é o caminho correto de viver o momento, de quando um ente querido se vai, esta é a forma correta, não a forma que foi ensinada. Vocês podem até cultuar ainda um corpo morto, algo macabro para as nossas ideias, mas que este momento seja um ponto final naquela tristeza, naquele desespero e que depois tudo isso se transforme apenas em saudade. Mas uma saudade não da perda, a saudade dos bons momentos vividos. Quando a saudade apertar, lembre-se de um bom momento vivido junto e eu garanto que ela se torna leve.

E se cada vez vocês fizerem isso, será fácil não esquecer, porque este não é o objetivo. Não estamos aqui pedindo para ninguém esquecer quem se vai, mas apenas lembrar dos bons momentos vividos, das alegrias, do quanto aquele ser representou em sua vida e ser grato por ter tido a oportunidade de ter vivido com ele. É este o caminho, é isto que vocês precisam fazer, vivam a dor até botarem um ponto final e depois mudem seus pensamentos. Porque é este o caminho que manterá vocês na caminhada e principalmente, ajudará aquela alma a também encontrar o caminho para a Quinta Dimensão.

Posts recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Minha Experiência

Carrinho de compras