6o. Encontro da Jornada da Chama Violeta – Saint Germain

Queridos irmãos do planeta Terra! SOU SAINT GERMAIN!

É interessante perceber muitos coraçõezinhos alegres, tranquilos porque têm se dedicado, tem tido cuidado no que faz, teve o entendimento correto. E dentro da caminhada deles, a jornada está sendo muito fácil! Então, estão indo de vento em popa, estão andando rapidamente. Já, a grande maioria, está um pouco, eu diria, desesperada porque são muitas dúvidas e recomeça, e recomeça, e recomeça! Eu já disse isso aqui, mas não custa repetir: Essa jornada é mágica! Ela não é simplesmente uma jornada de ler livro, de ler um decreto, de repeti-lo, sete vezes! Ela não é só isso! Ela é uma jornada mágica! Mágica, no sentido de colocar vocês na velocidade e no momento certo dentro da jornada.

Então, muitos de vocês, por bobagens, têm errado e voltam facilmente sem se auto recriminar, sem se preocupar com o fato de ter que voltar. Volta de coração pulante, de coração saltitante, indo para o recomeço. É uma pena que tem uma minoria que já até largou a jornada, não quer mais começar. Porque colocou tantos obstáculos, tantas dúvidas, culpou quem não tinha culpa, pelos seus próprios fracassos e não foi capaz de superar isso tudo e decidiu que não ia continuar. É uma pena, porque eu digo a cada um de vocês que todos chegarão no final! Todos! O começo é o mais difícil, o começo é adaptação, é um encaixe na jornada e este encaixe é que demora acontecer. É como se a jornada dissesse: “Não! Você não está pronto para ir para frente! Você tem que voltar, para que você aprenda mais um pouco! Para que você aproveite melhor tudo que você vai ler para frente!” Então, é uma jornada mágica, onde ela por si só, é capaz de alinhar cada um de vocês, dentro da sua própria energia. Não pensem que sou eu que estou fazendo vocês voltarem. Eu, apenas observo a caminhada de cada um, estou à disposição para todos vocês.

Então, quem, se é que podemos colocar uma pessoa como a culpada pela volta, é a própria jornada! Ela tem vida própria! Ela tem decisão própria! Então, se a energia, se o aprendizado não está combinando, ela dá um jeito de vocês voltarem, de vocês recomeçarem. Não se sintam, com isso, fracos, incapazes! Jamais! Pensem sempre o seguinte: Aqueles que conseguem caminhar, conseguem entender, conseguem ultrapassar os obstáculos, são almas preparadas para isso! Eu diria até para vocês que são almas que já passaram por essa jornada, então, sabem exatamente o que fazer. Já, vocês que vão e voltam, vão e voltam, há a necessidade do aprendizado, há necessidade deste retorno porque em algum ponto da caminhada, vocês deixaram passar algo. E é importante que vocês voltem e comecem a viver novamente cada ponto. Então, não se sintam inferiores àqueles que estão, lá na frente. A jornada ainda não acabou, ainda há um longo caminho. Então, ninguém pode estar certo de que chegará ao final, sem voltar uma única vez, tudo é possível. Então, ninguém é melhor, ninguém é pior do que ninguém! É a caminhada de aprendizado de cada um. E desta forma, a cada retorno, vocês vão melhorando, aprendendo, compreendendo melhor e tudo vai dar certo, todos chegarão no final. Iisso eu garanto que todos chegarão no final!

Então, eu vou aproveitar e vou fazer alguns comentários de muita coisa que já foi dita, que foi perguntada. O grande objetivo da jornada é repetir cada decreto diariamente, sete vezes. O mesmo decreto do dia, pode ser repetido em grupos de sete, quantas vezes quiser. Só não pode repetir outro decreto mais de uma vez. Então, eu vou novamente relembrar o que eu já disse aqui, temos algumas exceções: EU SOU LUZ, é uma exceção. Vocês fazem um curso, cuja a iniciação, faz com que vocês repitam EU SOU mais de uma vez, é uma exceção. Vocês não escolheram repetir aquilo, é uma imposição daquela iniciação e é necessário que vocês falem o que tem que ser falado. Muitos de vocês já se haviam acostumado a falar os decretos naturalmente durante o dia, por estudar os decretos, já há muito tempo. Isso não é exceção. Vocês podem repetir qualquer decreto, desde que seja uma única vez. Então, vocês podem falar qualquer frase com EU SOU, fora do que eu já citei, só que, apenas uma única vez. Repetindo: Com exceção para EU SOU LUZ e com exceção para as iniciações em algum curso. Uma outra dúvida que tem sido colocada, que no próprio livro tem um decreto onde é pedido que se repita três vezes. E o simples fato de vocês lerem aquele decreto, já está contando. Isto também é uma exceção. Como que eu peço para que vocês leiam o livro, o livro pede para que o decreto seja repetido três vezes, o que vocês farão? Cada vez que passar aquela página vocês vão voltar? Não! Então, esta também é uma exceção! Vamos deixar claro aqui: Qualquer decreto que esteja no livro, fora da lista dos decretos, são citações no meio dos capítulos, onde haja necessidade de repeti-lo mais de uma vez, podem repetir. Não afetará a jornada, porque o livro é jornada e a jornada é o livro, então, os assuntos se misturam. Agora, qualquer outro decreto, qualquer outra frase que exista o EU SOU, só pode ser feita uma única vez a cada dia. Disto eu não vou abrir mão e eu sei o porquê disto também.

Muitos acham difícil, não, não é! Eu diria que quem comanda a vida de vocês? São vocês ou suas mentes? Então, vocês precisam aprender a controlar suas mentes. Eu diria que a esta altura da caminhada, vocês já teriam de saber como controlar suas mentes! Não é ela que lhes controla, são vocês que têm que controlá-la. Então, diga para si mesmo: “Eu só posso repetir cada decreto uma única vez!” E acredite no que você está dizendo, para que o seu cérebro entenda isso! “Não posso pensar, não posso falar mais do que uma vez.”

Aí, vocês sabendo de toda essa restrição da jornada, pegam qualquer material que vocês sabem que tem o EU SOU, para quê? Para se provar, porque você não lembra, ali tudo que está escrito e se tiver algum ponto em que você tenha que repetir? Acabou! Você terá que retornar na jornada. Então, eu diria para vocês o seguinte: A jornada é completa, não existe nenhum outro decreto criado por vocês ou por quem quer que seja que sobreponha e seja mais forte do que os decretos da jornada. Então, por que insistir em continuar fazendo coisas fora? Por quê? Para se provar? Para me provar? Para ser aquela criança teimosa que vai mostrar que vai fazer? A decisão é de cada um! Quem quiser se auto provar, fique à vontade, só depois não reclame. Então, eu diria que se vocês estão na jornada, se vocês estão fazendo os decretos, se vocês estão lendo os capítulos, não há nada fora que seja mais forte do que qualquer coisa que vocês estejam lendo dentro da jornada. Não tem! Isto eu afirmo: Não tem! Então, para que fazer fora?

Outro ponto importante: Muitos se enganam… vamos lá! Vamos aprender um pouco a diferença entre as coisas! Quando vocês afirmam alguma coisa, por exemplo: Eu sou inteligente! É uma afirmação! Você está afirmando categoricamente que você é inteligente! É um decreto da jornada? Não, não é! Eu não tenho esse decreto, “Eu sou inteligente”. Mas como que começa mesmo a afirmação? Com as duas palavrinhas mágicas, EU SOU. Então, não se engane! Isso não é uma afirmação! Isto é também um decreto! Então, não fique se enganando de quê: “Ah, não está no livro, não é decreto! É afirmação!” Teve o EU SOU na frase, é um decreto! Vocês estão decretando algo. Não se enganem, não se façam de bobos, tudo que começa com EU, vocês estão se referindo a vocês e como são vocês, sairá alguma coisa referente à vocês, então, é um decreto. Então, vamos entender que qualquer afirmação que se inicia por EU SOU é um decreto! Não se enganem! Não tentem justificar algo injustificável. Começou com EU SOU é um decreto, não importa o que você irá dizer depois, não importa, é um decreto! Não é um decreto da jornada, concordo, mas é um decreto e só poderá ser dito, uma única vez. Então, se vocês possuem dentro das rotinas de vocês, afirmações, supostas afirmações e que precisem ser repetidos, mais de uma vez, esqueçam, está errado! É um decreto! É tudo muito simples! Vocês que complicam!

Vocês, por não quererem errar, começam a inventar milhões de coisas, milhões de manobras, milhões de justificativas para não recomeçar, para não dar o braço a torcer que errou. E aí, eu faço uma pergunta: Qual o problema em errar? Qual o problema? Eu não vejo nenhum, nenhum de nós vê problema em errar. Porque são com os erros que vocês aprendem, que vocês evoluem. Se vocês não errassem, não aprenderiam nada! Isto também são lições a serem aprendidas. Então, vamos deixar claro, as regras são muito simples, não é nada complexo, no que eu estou dizendo. Está no livro, pode ser repetido porque faz parte da jornada. Não está no livro ou qualquer outro decreto do próprio livro… então, vamos lá para não dar confusão:

  • Os decretos diários precisam ser feitos 7 vezes a cada vez que quiserem.
  • Se vocês pegarem outro decreto da lista, vocês só poderão fazer uma vez.
  • Vocês estão lendo o livro e o livro manda que vocês repitam três vezes, podem repetir as três vezes porque foi um pedido do livro.
  • Agora, os demais decretos que estão no livro, até dentro dos capítulos, só podem ser feitos uma única vez.

Então, cuidado para quem lê o capítulo duas vezes ao dia. Você já errou! Porque ao ler aquele decreto, você está lendo pela segunda vez e não foi pedido para que a leitura fosse feita mais de uma vez, não no mesmo dia. Não há com que se preocupar tanto, basta que vocês simplifiquem. Se é um pedido do livro pode, se não é, é uma única vez. Acabou! É simples, não tem muito o que pensar. Então, quer ler o capítulo? Leia uma única vez naquele dia. Não entendeu? Leia amanhã, leia em outro dia, mas não duas vezes no mesmo dia, porque aí já errou tudo.

Eu diria para vocês que entender muitas vezes não é uma coisa fácil. Alguns têm uma facilidade grande de entender as regras, outros não! E aí, eu vou comentar algo muito importante! Nada disso tem a ver com inteligência. Então, não se achem incapazes, nem com pouca inteligência, porque nada tem a ver com ela. Quando vocês não querem entender ou tem uma dificuldade muito grande em entender, é sua própria alma gritando que não quer aquilo, porque vai dar trabalho para ela se libertar daquilo tudo que ela está acostumada a fazer. Então, inconscientemente vocês procuram não entender o que é dito e assim continuam, “Aí, eu não entendi! Eu vou continuando!” Está enganando a quem? Não é a mim! Está enganando a você mesmo. Então, não há problema algum em não entender e recomeçar. Não entendeu e recomeçou? Qual o problema? Alguém aqui está sendo cobrado em nota? “Ah, quem errar mais de uma vez, vai ganhar uma punição!” Alguém disse isso? Nossa! Já teria muita gente punida, então! E cada um de vocês que retorna, a cada um de vocês que recomeça, tenham a certeza, a magia está agindo em vocês, tornando cada vez mais a jornada mais profunda. Qual a diferença daquele que nunca voltou para aquele que já voltou várias vezes? Aquele que nunca voltou, só leu uma única vez. Já, aquele que já voltou, várias vezes, leu várias vezes a mesma coisa. Então, eu diria que está se aprofundando cada vez mais e melhorando, com toda certeza, aquilo onde precisa ser melhorado. Então, não tenham raiva, tenham ânimo, caso vocês errem.

Ao final do capítulo 13, que será publicado na próxima semana, será o porto seguro. Então, quem chegar até lá, sem errar, caso venha a errar, voltará para o capítulo 13 e o decreto publicado no dia. Então, falta pouco. Para quem, ainda não repetiu e está seguindo a ordem certinha, na próxima semana chegará o porto seguro. Essa primeira etapa é mais longa, as demais serão mais curtas até a chegada ao porto seguro. Mas, essa primeira é bem longa. Então, quem está fazendo direitinho, anime-se! Está chegando lá! Na próxima semana será o porto seguro, vocês serão avisados.

Então, para encerrar o nosso encontro, hoje, eu vou pedir a cada um de vocês que coloque seus pés no chão e sintam que um pouco abaixo dos seus pés começa a surgir a minha chama violeta. E ela vai crescendo, crescendo, envolvendo todo o seu corpo, sem queimar. A chama violeta não queima, ela transmuta tudo que é negativo em amor e luz. Então, sintam a chama subindo e tomando conta de todo o seu corpo. Esta chama tem que ir acima de suas cabeças. E aí, eu vou ensinar algo a vocês: Sempre que vocês se sentirem, de alguma forma, desanimados, fracos, sentindo que não estão no vigor pleno da sua energia vital, basta que vocês se sentem, ponham os pés no chão e digam: “Mestre Saint Germain, me cubra com sua Chama Violeta. Transmute todas as energias que possam estar atuando negativamente no meu corpo. Transmute-as em amor e luz!” E aguarde que minha chama se acenderá sob seus pés e cobrirá todo vosso corpo, transmutando toda e qualquer energia negativa em amor e luz. Não se esqueçam! É um procedimento simples, não precisa muita coisa. Para quem pede com fé, para quem pede com amor, tem o resultado imediatamente. E não se esqueçam: Não é uma chama com a que vocês conhecem, é uma Chama Violeta. O elemento fogo, neste caso, ele tem uma outra cor, que é violeta, é uma chama de luz violeta. Então, não se esqueçam. É o que está acontecendo, agora, nos corpos de vocês. A Chama Violeta está transmutando tudo aquilo que não seja bom, neste momento, para vocês, em amor e luz. E tenha a certeza, que vocês se sentirão bem melhores. E mais uma vez, essa chama vai ficar com vocês. Vocês vão dormir e ela vai continuar atuando. Então, caso vocês tenham sonhos estranhos não se atentem a eles, pode ser uma limpeza que continuará sendo feita durante a noite.

E mais uma vez, eu quero lembrar a vocês, eu respondo a todos aqueles que me perguntam. Não é a ninguém que vocês tem que perguntar, é a mim. E tenham a certeza que eu vou responder. Estejam, apenas, sempre alertas como chegará a resposta, mas eu garanto a cada um de vocês que a resposta chegará, acreditem nisso! Comecem atentar, a treinar, ouvir o que nós dissemos. Acreditem, somos capazes de responder vocês e vocês são capazes de nos ouvir. Apenas, não se limitem! A grande maioria acha que vamos dar uma resposta no ouvido e eu respondo que a grande maioria não tem esse dom. Então, como vocês querem nos ouvir pelos seus ouvidos físicos? Agora, estejam atentos em qualquer coisa que vocês lerem, em qualquer coisa que vocês ouvirem, dita por alguém, dita por algum lugar, estejam atentos porque é desta forma que respondemos. É uma frase que vem a sua mente, você nem estava pensando mas, de repente, veio algo, também é uma forma de resposta. Basta que vocês estejam sempre atentos, apenas isso!

E acreditem, não criei esta jornada para ser complicada, é tudo muito simples. As dúvidas que vocês ainda tiverem, pensem um pouco e vocês encontrarão a resposta, porque não há mais nada a ser respondido. Tudo que era para ser dito, eu disse, hoje, vocês só precisam ter atenção. Apenas isso, atenção! Em breve, não pensem que não! Tudo isso acabará! Nada é eterno! Vocês já cumpriram uma grande parte da jornada. Logo, logo tudo isso acaba! Vocês acham que não? Então, veremos daqui a um tempo, até onde vocês chegarão e como vocês chegarão. Continuemos na jornada, cada um no seu papel, cada um no seu momento. E tenham a certeza que, ao final, vocês não se arrependerão, se vocês tiverem feito com o coração.

Posts recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Minha Experiência

Carrinho de compras