Arcanjo Miguel ao Vivo 07-09-22

Queridos! EU SOU O ARCANJO MIGUEL!

Gosto dessa animação! Gosto dessa energia! Todo mundo se mexendo! Quanta gente saiu da rede, ahã? Já não estão mais deitados, tomando suco! Estão se mexendo! Isso é maravilhoso!

Olha, eu posso dizer para vocês que esse encontro será memorável! Será maravilhoso! Mantenham esta energia! Mantenham esta vontade, essa animação que vocês estão, de um conhecer o outro! Será fantástico! Realmente vocês conhecerem tantos irmãos que vibram na mesma ideia, vibram no mesmo pensamento, vibram em cima dos mesmos aprendizados! Isso será muito maravilhoso! E com certeza, esse será o primeiro de muitos! E vou dizer mais alguma coisa: que não faremos, apenas, uma vez por ano! A ideia é cuidarmos de Gaia! A ideia é fazermos coisas efetivamente pelo planeta! Então, faremos muitos encontros desses! Não necessariamente com tanto deslocamento! Mas, faremos sim, cada um na sua cidade! Cada um no seu bairro! Cada um na sua casa, fazendo algo que seja bom para o planeta, que seja importante para Gaia! Hoje, o vídeo é de Gaia! Gaia está bem séria, bem contestadora! Ouçam com o coração aberto! Não retruquem! Não se fechem para o que Gaia está falando porque essa será a nova realidade! Mas, Eu não vou falar nada! Vocês vão esperar o vídeo, quando acabar aqui vocês terão!

Então, o que tenho a dizer a vocês? A ideia sempre é manter o pensamento na Luz! É manter o pensamento no que é melhor para você, no que é melhor para os que estão a sua volta, no que é melhor para o seu bairro, a sua cidade, o seu estado, o seu país, o seu continente! Vocês precisarão tomar grandes decisões! Então, é como Eu já disse aqui, procurem tomar a decisão com o coração, não com a mente! O medo é o pior conselheiro! Como assim o medo? Hoje, vou dar um exemplo aqui: existe uma pequena estrada, uma estrada que sobe, desce, em alguns pontos extremamente perigosa! Mas, essa estrada foi criada, há muito tempo! A terra já está marcada por tantos que ali passaram e todos já conhecem o caminho de cor e salteado. Já sabem onde é perigoso, onde pode haver animais escondidos. Mas, é uma estrada longa e extremamente cansativa, mas é o único caminho que se conhece! Então, todos seguem essa estrada. Até que, um dia, chega alguém, olha para aquela estrada tão complexa, tão difícil e começa a pensar se não há outro caminho! Se não há uma forma de ter uma estrada menos cansativa e mais rápida! E essa pessoa pega um monte de mapas e começa a olhar as possibilidades que existem e encontra um caminho fácil, arborizado, inclusive, com rio, correndo ao lado, onde pode dar uma parada e se refrescar! Coisa que na outra estrada, raramente tem! E ele começa a incentivar as pessoas a seguir aquela estrada! Ele anda por ela, já foi várias vezes por ela e chega ao mesmo destino, daquela outra, muito mais rápido! Ele sai no mesmo tempo e espera várias horas para que os demais cheguem pela outra estrada e ele fala: “por que vocês não querem ir por lá?” Aí, muitos respondem: “porque estamos acostumados com essa! Não gostamos de surpresas! Não gostamos de coisas novas! Nessa estrada já sabemos todos os perigos, na outra não sabemos nada!” Aí, esse rapaz responde: “mas, eu venho por ela, não há perigo algum! É uma estrada boa, florida, perfumada, arborizada, bem mais fácil de ser cumprida do que a que vocês vêm!” “Ah, não! A gente prefere essa porque a gente está acostumado e já conhece!” E assim o tempo passa! Eu diria que alguns até já se arriscaram a ir pela estrada nova e concordaram com aquele rapaz, que é uma estrada maravilhosa, que ela trouxe novidades que a outra não tinha e que eles estão satisfeitos de terem resolvido seguir a ideia do rapaz! Mas, a grande maioria, ainda não! É teimosa, medrosa, não quer mudar porque mesmo sofrendo, mesmo tendo calor e sede, preferem seguir aquela estrada porque já conhecem! Não querem mudar! Não querem coisas novas! Querem manter sempre o velho! Aquilo que está caquético, aquilo que já está batido e que não traz mais nenhuma novidade porque, a cada passo daquela estrada, eles conhecem como a palma da mão, de tanto passarem por ali! E o tempo passa e as pessoas continuam escolhendo ir pela estrada antiga! Apenas, os novos que chegam no local, que não conhecem a antiga, aceitam a ideia de ir pela nova! E assim o mundo caminha!

Por que Eu contei essa história? Porque vocês são assim! Vocês nunca gostam do novo! Vocês gostam do velho! O velho é ruim, está cheio de problemas, traz sofrimento, mas vocês preferem algo que conhecem! Não querem arriscar no novo! Não querem dar vazão ao novo mundo! Não querem conhecer novos caminhos, novas pessoas! Não! Querem se manter na zona de conforto! Aquela zona de conforto? Ou aquela zona que vocês conhecem bem? Não terão nenhuma decepção! Não terão decepção, pois, se aquela estrada é velha, antiga, decepção é o que mais acontece naquela estrada porque, vez ou outra, uma ponte está quebrada e vocês têm que entrar no rio para atravessar, só tem decepções, ali! Mas, vocês não querem seguir o novo! Vocês querem se manter sempre naquilo que vocês estão acostumados! Por que tanto medo do novo? Por que tanto medo daquilo que pode ser melhor para vocês? Ah! Porque aí também tem um detalhe! Vocês têm que ter o que reclamar! Claro! Porque se vocês vão pela estrada velha, vão ter uma tarde inteira só reclamando! “Lembra daquele espaço? E daquela pedra que eu tropecei? Ah, e aquela ponte que eu quase cai?” Então, vocês vão ter assunto para reclamar a tarde toda! Mas, se forem pela estrada nova, não vão ter o que reclamar! Fica sem graça, né? Não ter o que reclamar! Não ter que meter o malho (como vocês falam)!

Então, é por isso que o seu mundo está do jeito que está! Vocês não mudam! Vocês não abrem espaço para o novo! Vocês não abrem espaço para coisas que poderão trazer melhoria porque vocês têm medo! Porque estão acostumados a sofrer e querem continuar sofrendo! Não querem perder aquele momento, sofrimento, em que todos se reúnem numa rodinha e começam a contar as suas lamúrias! Esse momento, sofrimento é o momento máximo de todo o processo porque quando não há sofrimento, não tem graça! Vocês não têm como contar nada porque não teve sofrimento, foi tudo fácil, foi maravilhoso, então não vale a pena comentar! Não vale a pena comentar como aquela flor era bonita! “Você viu como aquela árvore estava cheia de frutos? Você viu como o rio descia calmamente? Ou você viu como o rio descia forte? Você viu as cachoeiras do rio? Ah! Isso não tem graça comentar! Graça tem em comentar as lamúrias, as dores, os sofrimentos, as dificuldades! Isso tem graça para vocês! Então, aí está o mundo que vocês criam! Aparecem pessoas novas, aparecem pessoas de bom coração, pessoas que têm amor pelo que fazem, não pensam em si, mas vocês não escutam! Vocês não acreditam nelas porque se está ruim como está é melhor ficar ruim do que tentar algo melhor.

Por que estou dizendo isso tudo? Porque é assim que vocês agem durante o processo das escolhas dos seus governantes! Vocês não dão espaço para o novo! Vocês não gostam de arriscar! Aí, quando aquele, que todo mundo, hoje reclama, ganha… ah! Que maravilha, vamos continuar reclamando porque sempre reclamaram, vão continuar reclamando da mesma forma! E será que se tivesse entrado outra pessoa que não tem nenhum ranço, que não tem nada que a ligue a coisas antigas, será que não seria melhor? Outra visão, outros caminhos, outras formas de governar? Não, não, não! Não vale a pena! Não é preparado! Não é preparado? Preparado é quem está na situação e vocês reclamam o tempo todo, vão continuar reclamando! Essa é a ideia! Tirar a tarde para o grupinho da lamúria, o momento lamúria!

É isso, meus irmãos! É o hábito! Aliás, esse é um hábito horrível que vocês têm! Vocês só reclamam! Mas, não querem mudar! Compram algo que é horrível, existem milhares de marcas para escolher, mas você gosta de comprar aquela e aquela é horrível. E aí, você chega e reclama, reclama, reclama! Por que não muda? Porque não tem graça! A graça é o momento lamúria, o momento reclamação! Essa é a graça de vocês! Este é o viver de vocês, seres humanos: reclamar! Se não tem do que reclamar, ah não tem graça! Então, eu vou escolher sempre alguém que eu tenho que? Reclamar! Porque eu sei que não fará direito! Eu sei que não fará melhor porque não fez ainda, mas eu vou escolher ele, de novo, para que eu continue reclamando! É isso? Então, quando Eu disse, há um tempo atrás! Quem esqueceu, Eu vou lembrar: vocês não terão escolhas! Chegará um ponto que as escolhas acabarão! E aí, o que vocês vão fazer? Vão reclamar com a gente? Acredito que sim! “Olha, vocês escolheram uma péssima pessoa! Não está bom, não! Era melhor aquele que a gente tinha!” Sim! Aquele que não era envolvido com a Luz! Aquele que não pensava no povo! Aquele que só pensava em si mesmo, mas era melhor! Não é isso? Por que aí, acabou o momento lamúria! Vocês não vão ter do que reclamar! Não! Vão ter sim! Vão ter outras coisas para reclamar!” Por que ele recebeu e eu não recebi? Por que ele merece e eu não mereço?” Ah! Essas perguntas, a gente vai escutar muito! “Eu sou um injustiçado! Eu sou um coitado porque não recebi nada! E fulano, que era isso, que era aquilo, recebeu um monte!” Você olhou para o seu próprio caminho? Claro que não! Você só quer olhar para o caminho do outro, para poder ter o momento lamúria! Reclamar da injustiça em relação ao outro, ou seja, vocês nunca vão parar de reclamar! Talvez, na Quinta Dimensão? Aí, lá, talvez, vocês aprendam, efetivamente, que tudo é o que é! Tudo é o que vocês emanam! E se não estiver bom, então, opa! Acende uma luz vermelha porque vocês estarão emanando coisas que não são boas!

Então, meus irmãos, começem a se desligar das coisas velhas, das coisas antigas, das coisas repetitivas que não trazem novidades alguma! Olhem para o novo! Arrisquem! Eu digo uma coisa: pior do que está, não vai ficar! Não vai! Mas, pelo menos, vocês terão a chance de conhecer problemas novos, não os mesmos de sempre, que vocês já estão calejados de reclamar. Então, Eu diria para vocês que: o momento, agora, não é de ter preocupação alguma com o que irá acontecer, com quem irá ganhar, com quem irá perder porque vocês não farão escolhas! Vou repetir: as escolhas já estão feitas! É só isso! E não entendam isso, especificamente, aqui, neste país que vocês vivem! Eu estou falando em termos de planeta! Não estou sendo afirmativo em local específico algum! É no planeta! Todos os governantes deste planeta, daqui a um tempo, serão nossos! Não mais os seus representantes, que, aliás, não representam nada! Não, na visão que nós precisamos! Então, não se preocupem com o que vai acontecer! Para quê? O tempo da lamúria vai ser pequeno, vai ser muito pequeno porque quem vai realmente assumir todo o planeta, vocês não têm ideia! Que, com certeza, pensarão não em si, mas no povo! Coisa que 99% dos governantes deste planeta não fazem! Só pensam em si, em se manter no cargo, em se manter no poder, em fazer aquilo que querem, não no que o povo precisa! Isso em todo o planeta! Escapa, um ou outro, mas todos têm problemas! Todos! Então, isso tudo vai acabar! Então, para que se preocupar, né? Para quê? Para que vocês ficarem escolhendo, um ou outro, velho ou novo, para quê? Não adiantará de nada porque, efetivamente, quem ficará, não aparece, agora! Vocês não têm ideia de quem é! Então, relaxem! Escolham qualquer coisa porque não ficarão lá! Isso eu afirmo: vocês não farão escolhas! As escolhas já foram feitas, cada um já está designado ao seu lugar. Simples assim! É um mundo novo, não é? Uma nova etapa na humanidade, não é? Então, é tudo novo! Não vamos seguir ideias antigas porque nós não temos medo! Pelo contrário, somos arrojados, somos corajosos! Então, tudo novo! Mundo novo, tudo novo! Governantes novos, nada velho, nada repetido porque serão outras mentalidades, outras ideias! Agora, infelizmente, temos a consciência que nem todos gostarão! Muitos de vocês, que estão aqui hoje, serão os primeiros a se levantar contra! Sim! Não pensem que todos vocês que ouvem o que nós dizemos, que vocês vão aceitar tudo! Ah, não vão, não! Muitos vão se rebelar! Muitos vão nos dar as costas! Já sabemos disso! Mas, caberá a cada um fazer o seu momento revolta, fazer o seu momento autoanálise, fazer o seu momento birrinha! Cada um vai reagir de um jeito! E nós continuaremos aqui, de braços abertos para receber todos a hora que quiserem! Não abandonamos ninguém!

Então, meus irmãos, relaxem! Sigam a vida de vocês! Sigam a caminhada da ascensão! Procurem viver dentro dos preceitos para a Quinta Dimensão! O resto, não se envolvam! Para quê? De nada adiantará! Para que se envolver? Deixem que a massa, que ainda não acordou, faça as escolhas delas! De nada adiantará! Vou repetir: vocês não farão escolhas! Então, cuidem de suas caminhadas! Olhem para dentro! Eu diria que desapego é a palavra do momento! Momento desapego, interessante! Momento desapego! Mas, não é desapego daquela roupinha que não usa mais, daquele livro que não lê mais! Não! São desapegos bem maiores! Lembrem-se: vocês não têm nada! Nada é de ninguém! Tudo é de todos! Então, fiquem com essa reflexão e comecem a pensar a respeito! O novo mundo é igualdade! O novo mundo é justiça! O novo mundo é equilíbrio! Agora, cada um metaboliza, entende isso tudo como quiser! Nunca esquecendo: que cada um recebe de volta, o que emana, o que pratica! Nunca se esqueçam disso porque este detalhe é muito importante! Muito importante! Então, cada um recebe, aqui, de volta, aquilo que emana! Não se esqueçam disso! Haverá equilíbrio! Haverá justiça! Haverá igualdade! Mas, cada um receberá o resultado do que emanou! Parem e pensem antes de levantar da cadeira, chutar o balde e sair reclamando! Até porque, não vai adiantar chutar o balde, vai machucar só o seu pé porque o balde não tem nada a ver com isso! Então, comecem a viver o momento desapego! Comecem a viver o momento do mundo novo! Olhem para vocês! Isso sim, Eu digo para cada um, agora, é o caminho a ser seguido, o resto não tem importância nenhuma! Vivam este momento que vocês estão tão animados em planejar, agora! Será um momento importante! Um momento de união! Um momento de fraternidade! Um momento de ampliação de relações! Será um encontro de várias pessoas, de vários lugares! Isto será importante para todos! Então, vivam esse momento! Abram os seus corações! Pensem coisas boas!

Agora, para finalizar, Eu quero deixar um recado aqui! Nem ela sabe o que acontecerá! Então, não tentem mandar ideias, mandar coisas porque não será ela que vai resolver nada! A programação (como vocês falam) será montada por nós! Por quê? Existe um tempo em que vocês estarão lá! Então, por que tem que ter uma programação? Tal hora vou beber água, tal hora vou comer alguma coisa, tal hora vou tomar suco, por quê? Vocês são robôs? São operários de fábrica que têm que seguir um ritual, um horário? Então, não se surpreendam se ninguém souber como será, dia nenhum! Só lá na hora! Ou talvez ela saiba e é o suficiente! Então, parem de ficar programando o que vocês vão fazer lá ou deixar de fazer! Isto é com ela! Ela é quem vai dizer na hora o que vai acontecer e ponto! Então, não adianta vocês ficarem mandando ideias disso, daquilo outro! Eu mando jogar para um lado na hora! Ela nem lê porque Eu não quero! Como vai ser ou deixará de ser, vocês saberão no dia! E se Eu quiser ficar conversando com vocês a tarde toda? E não fazer mais nada? A decisão é minha e está tudo certo! Vocês terão a minha energia a tarde toda! Algum problema nisso? Espero que não! Então, não se preocupem com a organização! Esse é um problema que não é de ninguém! É nosso! Nós saberemos o que vamos fazer! Apenas, isso! Então, não se preocupem em relação à programação! Ela está sobre a nossa gerência, não de vocês! De nenhum de vocês, nem dela! Ela vai fazer o que nós dissermos que tem que ser feito e ponto! Recado dado! Ok?

Então, pensem bastante no que foi dito aqui, hoje! Ouçam esse vídeo várias vezes! Vejam aonde Eu quis chegar! Não me importo se alguns, aqui não concordam com o que Eu digo! Levantam e chutam o balde! Não me importo! É um direito de cada um concordar ou não concordar! Eu não quero fantoches, nem vaquinhas de presépio, aqui! Quem não concorda, está super certo! Problema nenhum para mim! Eu quero que vocês pensem! E pensem bastante! Só que infelizmente, Eu sei que no final, Eu vou estar certo, mas vocês precisam encontrar essa certeza minha! Não será uma imposição minha que fará vocês aprenderem! Vocês precisam aprender por si só! Então, chute o balde, sem problema algum! Agora, ao chutar o balde, abra o coração também porque o chutar o balde foi sua mente falando, não seu coração! Então, abra o coração e ouça ele! Aí sim, você poderá encontrar a verdadeira resposta!

Então, que cada um de vocês, efetivamente, pense no que quer para o futuro. Comecem a agir como habitantes de Quinta Dimensão. E Eu tenho a certeza, não será uma tarefa fácil para nenhum de vocês! Mas, pelo menos, tentem! Pelo menos, comecem a pensar a respeito! Eu diria que já é uma excelente providência!

Posts recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Minha Experiência

Carrinho de compras