Hilarion – Sintomas no Corpo e Tratamentos

Queridos irmãos do planeta Terra! SOU HILARION!

Os dias estão se tornando cada vez mais iluminados. As energias do Sol Central chegam com mais intensidade a cada dia. Até aí nenhuma novidade; a novidade é como cada um de vocês está passando por todo este processo. Então eu gostaria de deixar algumas instruções a todos vocês.

A energia que chega não é conhecida dos seus corpos, é uma energia de altíssima vibração e seus corpos não estão acostumados a ela. E o que esta energia pode trazer aos seus corpos? Processos de desequilíbrio, insônia, tonturas, vertigens, enjoos, tremores, dores musculares, cansaço em excesso. Cada um de vocês poderá ter todos ou nenhum destes sintomas. Alguns mais outros menos. Não há como mudar isso.

Temos sempre dito aqui que vocês procurem manter seus corpos limpos, tomando bastante água, comendo coisas saudáveis. Quanto mais vocês procurarem cumprir estes avisos, mais facilmente vocês passarão por tudo, quanto mais desequilibrados ou contaminados seus corpos estejam, mais difícil será passar por tudo isso, pois além da energia que chega, os seus corpos precisam metabolizar e jogar fora tudo o que não presta que está aí dentro, causando assim muito desconforto em todos vocês.

O momento é de uma alimentação leve, é de uma alimentação o mais fresca e natural possível. Muitas frutas, legumes, verduras; evitem as carnes ao máximo, evitem tudo que venha de origem animal. Seus corpos, uma boa maioria, já não consegue mais metabolizar adequadamente o que vocês comem de origem animal. Comecem a observar isto. Não insistam porque cada vez mais vocês passarão mais ma.

Já não é mais uma questão de escolha, já não é mais uma questão de princípios, os seus corpos estão se limpando e quando vocês comem algo de origem animal, aquilo não cai de forma adequada dentro dos seus corpos e cada vez mais vocês sentirão os resultados. A hora da mudança já passou há muito tempo; alguns ainda insistem. Entendemos que muitas vezes a alimentação não propicia vocês largarem totalmente os alimentos de origem animal, em detrimento de suas próprias saúdes, porém não comam todos os dias, pelo menos passem um dia sem comer nada de origem animal. Comam num dia e no outro não, para dar tempo aos seus corpos, de se livrarem daquilo que comeram no dia anterior.

Não sobrecarreguem seus corpos. Tenham consciência do que estão comendo. Entendemos que para vocês, para muitos, esta mudança de alimentação não é fácil, não é simples, mas pelo menos procurem diminuir a quantidade. Não façam dos seus pratos apenas comida animal; que ela seja a menor porção no seu prato, até que pouco a pouco, vocês comecem a se equilibrar e irem abdicando desses alimentos.

Outro ponto importante são os sentimentos. Enquanto vocês não emanarem sentimentos positivos durante todo o tempo os seus corpos vão reclamar, e os sintomas poderão ser até mais fortes ou diferentes do que aqueles que já citei. A mudança nos corpos de vocês está tão intensa que muitos precisarão de medicamentos. Não, eu não estou exagerando. O desequilíbrio provocado por tantas energias, por tanta mudança, é tão intenso que não dá tempo dos seus corpos se manterem em equilíbrio, e se há já um problema ele se intensifica.

Então neste momento é necessário que cada um de vocês quando tiverem sintomas constantes, ininterruptos, procurem um médico. Façam uso de medicamentos, em paralelo ao equilíbrio energético. Vou repetir o que Miguel já ensinou aqui há um tempo atrás. Ao tomar os medicamentos do seu mundo apenas digam: ”Que este medicamento seja para o equilíbrio do meu corpo”. Este mantra retira toda e qualquer malignidade ou energia negativa que possa estar naquele medicamento, e ele passará a atuar em seu corpo apenas na função dele.

Parece um pouco estranho o que estou dizendo, mas quando o desequilíbrio se torna intenso se faz necessária a ajuda dos medicamentos. Isto tudo passará. Chegará o momento em que os seus corpos estarão habituados a toda esta energia e não haverá mais o desequilíbrio. É claro e óbvio, que vocês podem procurar a cura através de qualquer tratamento que ensinamos, mas neste momento ela não pode ser apenas a única ferramenta a ser usada. Em alguns casos se faz necessário o uso do medicamento.

A cura não é algo tão simples quanto vocês imaginam. Não é apenas fazer e achar que sairá curado. A cura é o caminhar para o equilíbrio. Cada tratamento feito é como se vocês entrassem por um longo corredor, em que a cada passo dado vocês se curam mais um pouco, e eu diria que o medicamento muitas vezes acelera este processo, até que chegará o dia em que este corredor terá um fim, e lá na outra ponta ao saírem, aí sim, vocês estarão efetivamente curados.

Não basta entrar e sair por uma porta, não basta entrar e sair por uma sala, por uma câmara, por um tubo, não; é preciso uma mudança completa, de mente e corpo, de sentimentos, de hábitos, as mudanças são muito grandes, para que haja efetivamente a cura. Então não achem que vocês vão fazer uma única sessão e vão sair saltitantes curados lá na frente.

A caminhada é longa e o comprimento deste corredor depende muito do que cada um de vocês contribui para a sua própria cura. Muitos entram neste corredor dão um passo adiante e dois para trás. O que são os passos para trás? São os sentimentos negativos, é uma alimentação desregrada, é uma alimentação sem água, são pensamentos negativos, atitudes negativas, todas fora do Amor Incondicional. Então vocês fazem um passo à frente e alguns para trás, por isso a cura é tão difícil.

Para que haja a cura 100% é preciso uma mudança total, é preciso uma transformação total no seu ser para que ela aconteça. Muitos poderão pensar então que qualquer tratamento holístico é inútil. Não, não é, porque cada vez que vocês se submetem a um tratamento existe a possibilidade do equilíbrio e se você concomitante àquele tratamento toma atitudes corretas, pensamentos corretos, alimentação correta, você começa a caminhar naquele corredor para a frente; e mesmo que em algum momento você dê alguns passos para trás, você já se deslocou no corredor.

Então nada é inútil. A única coisa que quero é que vocês tenham sempre em mente que nenhum tratamento é milagroso. Você poderá até chegar num estágio de equilíbrio em que ao passar por um tratamento você saia curado, mas se você mais à frente der um passo que alimente novamente o problema, ele voltará porque tudo é um conjunto. É preciso que todos os pontos estejam alinhados; um simples desalinho vocês voltam naquele corredor.

Então existe um longo caminho de mudança, um longo caminho de consciência, em todos os sentidos para cada um de vocês, e por mais que pareça absurdo muitos precisarão dos medicamentos para ajudá-los a aceitar tudo, a se mover dentro de tudo, a ter um equilíbrio mesmo que artificial, mas que o ajudará a se sentir melhor, e isto contribuirá para um passo à frente.

A certeza é, que ao chegar ao final deste corredor, há muito o medicamento não estará mais em você, porque você não precisará mais dele, mas neste momento muitos estão precisando. Não achem que apenas as energias manterão vocês em equilíbrio, pelo contrário, são muita mudança num único corpo, e este corpo não sabe lidar com estas mudanças.

Então o desequilíbrio é imenso. Então estejam atentos, a cada sintoma, a cada mal-estar que vocês tenham. Passem a observar o que faz mal e o que não faz a cada um de vocês, e usem nossas energias o quanto quiserem, sempre tendo bom senso. Não adianta fazer o mesmo tratamento 100 vezes por dia, porque você sobrecarregará mais ainda o seu corpo, que já está tendo que lidar com tanta energia que chega, e você está abusando de mais energia nele.

Então tenham bom senso. Não é deste jeito que vocês se curarão. Não é deste jeito que vocês se equilibrarão. Tudo tem que ser feito de forma gradual, mas o que é o mais importante, de forma consciente, de forma lúcida, tendo a noção exata de cada momento que vocês estejam vivendo.

Posts recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Minha Experiência

Carrinho de compras