Sananda – A Mudança das Vibrações

Queridos filhos e filhas do planeta Terra! SOU SANANDA!

Sim, estou por aqui mais uma vez. A missão que me foi dada por Miguel, me impele a estar aqui o maior número de dias possível. O momento é de muita atenção, mas não vou deixar de ser grato por mais este dia, por mais esta oportunidade de estar aqui com cada um de vocês. Hoje pela conjunção dos números, da data que vocês usam, tem um portal aberto, um portal de Luz, um portal de elevação e evolução. Sempre que um portal se abre, permite-se que seres de muita Luz possam atuar no planeta. É como se fosse um dia de festa, em que vocês recebem muitos convidados e cada convidado traz um presente. E na grande maioria das vezes, este presente é um quantum de Luz da dimensão de cada um, ajudando mais e mais a este planeta a consumir a energia negativa que ainda está sobre sua atmosfera.

Devo dizer a vocês que a transmutação de energias está intensa, porque a Luz que chega do Sol Central de Alcyon é muito poderosa e consegue eliminar grande parte do que é gerado, e quase totalmente o que já foi gerado por vocês durante éons de tempo. As mudanças no planeta, fisicamente falando, nada mais são que a retirada de tanta energia negativa que foi colocada no solo de Gaia. Muitas bases já foram destruídas e estas bases precisam ser totalmente enterradas, provocando muitos abalos na superfície de Gaia. Nada do que acontece é por descuido ou por castigo; o que acontece é a eliminação, ou a compensação da energia negativa que estava naquele local.

Se vocês observarem, muita coisa estranha está acontecendo no seu planeta. No dia a dia, ao seu lado, nas suas ruas, nas suas cidades. E cada vez, mais e mais coisas estranhas dentro da ótica de vocês, acontecerão. Muita coisa foi erguida acima de bases inimigas, mantidas por uma energia totalmente negativa. E à medida que esta energia negativa é consumida, muita coisa vai desmoronar, muita coisa ruirá. Mas como sempre dizemos: Cada um está aonde tem que estar. Quem vai morar sobre uma base que emana energia negativa e se sente bem ali, realmente está vibrando na mesma faixa e com certeza, não permanecerá no planeta.

Então jamais e nunca se esqueçam, que cada um de vocês está exatamente aonde deve estar. Cada um de vocês vibra com o local onde vocês vivem. Quando vocês se sentem extremamente felizes, na casa, na rua, no bairro, na cidade, no estado, no país, a vibração de vocês é totalmente compatível com aquele local, com o Todo. Ninguém vai morar em um lugar por descuido ou por uma decisão impensada da alma. O próprio Eu Superior coordena as mudanças, o próprio Eu Superior ajeita o entorno para que as mudanças sejam feitas.

Então se vocês se mudam para um local, como vocês falam, melhor, mais bonito é porque a vibração daquele local está atraindo a vibração que vocês estão. Onde vocês estão agora, já não está trazendo mais aquela alegria que trouxe há tempos atrás. Vocês sentem vontade de mudar, buscam novos lugares e acham os lugares pertinentes à vibração de vocês. E observem sempre que cada mudança é um salto; é um salto de vida, é um salto de condição econômica, é um salto dentro da sua própria sociedade. Tempos mais difíceis, mais apertados podem vir daí, mas aí está o fato do aprendizado, da lição de que nada cai do céu, tudo tem que ser conseguido com muita fé, com muito acreditar. E todo aquele processo supostamente difícil, passará tão rapidamente que vocês nem sentirão. E dali a um tempo sentirão vontade de mudar de novo, porque a vibração de vocês continua se elevando.

Muitos estão fugindo das cidades e indo para as montanhas, para o interior do planeta, por quê? Porque a vibração das cidades já não está mais compatível com a vibração que vocês estão vivendo. Então a proximidade com Gaia, de ter os pés efetivamente sobre a terra atrai muito, à muitos de vocês. E muitos estão fazendo este movimento. Porém também não podemos nunca esquecer que são mudanças de vida, são mudanças de hábitos que têm que acontecer de forma devagar, branda. Não se pode querer mudar tudo drasticamente do dia para a noite.

Então façam suas mudanças, mas façam devagar, gradativamente, para que a própria adaptação ao lugar novo, se dê de forma tranquila. Perdas acontecem. Não há como mudar de um lugar para outro sem haver perdas. Eram aqueles lugares que você estava acostumado a ir, eram os vizinhos, eram os amigos feitos, alguma perda sempre há, mas com certeza você estará se elevando no outro lugar e novos amigos virão, novos vizinhos virão, todos compatíveis com aquela nova energia. Então não fiquem preocupados se de repente, todo mundo resolveu se mudar, todo mundo de repente ficou insatisfeito aonde está. Isto é normal. A vibração daquele lugar não está mais compatível com vocês, apesar do resto da família achar que está tudo bem. Mas se há um salto de vida, todos concordam, porque todos querem evoluir. Então é muito benéfico, desde que seja feito com muita segurança, com planejamento, para que não venha a ser um grande elefante branco, que depois vocês não conseguem manter. Tudo tem que ser feito com cautela e planejamento.

Aí, muitos aqui estão se perguntando: “Mas e quando vamos para um local inferior ao que estávamos? Por que isto acontece?” Eu posso dizer, que existe uma lição aí a ser aprendida e muito séria. Toda vez que vocês têm perdas financeiras graves, que alteram até a forma de vocês viverem, passou do momento de vocês aprenderem aquela lição. Ela veio várias vezes e vocês não deram muita atenção, então ela agora veio de maneira que vocês parem e pensem onde erraram. E se a lição for aprendida de forma integral, com certeza em breve, vocês voltarão para níveis mais elevados de novo. Porque a vibração começará a ficar incompatível e vocês mudarão. O próprio Eu Superior organiza tudo para que mude.

Então o local onde vocês vivem é o local onde suas vibrações são compatíveis. Por que tantas pessoas juntas vivendo numa mesma pobreza? Porque elas se ajudam umas às outras a serem pobres. A própria sociedade discrimina, afasta, empurra estas pessoas para locais próprios para elas. Então elas se unem num sentimento de pobreza, de escassez, de sofrimento, de dor e é o que existe ali. Raro é aquele que se levanta e diz: “Não, eu não sou obrigado a viver isso, vou buscar algo melhor!” E consegue, porque sai daquela faixa de vibração, de todos, de fome, desespero, dificuldade, escassez. Então naquele local a vibração será sempre a mesma, porque todos vibram a mesma coisa.

Então não se assustem com as coisas que acontecerem na superfície do seu planeta. O que vocês chamam de desastres da natureza nós chamamos de limpeza, nós chamamos de transmutação de energias e quem perece, quem estava ali naquele local e foi embora, é porque tinha que ser assim, por isso ela estava ali, se não ela estaria em outro lugar. E por que ela estava ali? Para cumprir coisas que a sua alma fez no passado. Então aquela é a forma que o Eu Superior encontra de fazer aquela alma aprender as lições que precisa.

Temos dito aqui frequentemente, não sofram o sofrimento do outro. É exatamente por isso, porque cada um está aonde vibra, aonde gosta de viver, porque muitas vezes o Eu Superior coloca as pessoas num ponto, mas a vibração dela não é compatível com aquele ponto. Então ela prefere descer de vibração e ir morar em outro lugar, um lugar que vibre mais baixo. E aí eu diria que aquela alma não deveria estar ali naquele momento, mas foi uma escolha dela, foi a escolha daquela alma vibrar igual àquele ponto da superfície e quando aquele ponto se vai, ela vai junto. Isto também acontece e muito.

Então nada acontece por acaso, nada acontece errado. Ou vocês estão no lugar certo, porque faz parte da sua caminhada de alma, ou vocês estão ali por escolhas da própria consciência humana. Tudo isso é respeitado. É a mesma coisa de uma alma que vem para ser um grande…, uma grande pessoa e aí ela resolve encher o cérebro de álcool, de bebida alcoólica e vai dirigir e no final sofre um grave acidente e morre. Estava definido para aquela alma morrer daquele jeito? Não, mas foi uma escolha dela, ela provocou aquilo, ela escolheu aquele caminho. Nada podemos fazer, é escolha da alma. Ela escolheu correr o risco, correu e morreu.

Então não sofram o sofrimento de ninguém. Cada alma que se separa do corpo físico, tem um porquê. Pode ser por escolha da alma antes mesmo de encarnar, que definiu que iria embora daquela maneira; pode ser a definição do Eu Superior, que colocou aquela alma ali para que ela aprendesse uma lição; ou é por escolha da própria mente humana. Então tudo são escolhas. Então não são vocês que vão mudar a caminhada de alma alguma. O que tem de acontecer com cada alma, acontecerá; a menos que ela também faça suas próprias escolhas.

Muitas vezes entendemos que é complicado para vocês aceitar tudo isso, vocês não entendem a morte. Para vocês é algo absurdo, algo que Deus Pai/Mãe não poderia permitir. E digo a vocês que isto só acontece porque vocês estão nesta dimensão, porque tudo isso que acontece, morrer, nascer, morrer de novo, nascer de novo é específico desta dimensão e deste processo do planeta Gaia. Não tem como mudar isto agora. Na Quinta Dimensão será diferente. Então todos nascem sabendo que um dia vão morrer.

Então apenas aprendam a aceitar que tudo é proveniente da alma ou escolha daquela alma e não há o que ser feito em relação a isso. Cada um escolhe onde quer viver de acordo com a sua vibração. E quanto mais elevado vocês se colocam, mais vocês sobem, mais vocês evoluem no local de moradia. Agora, que tudo isso tudo fique muito claro, estou falando aqui de um processo honesto, de um processo de abundância e prosperidade, gerado por cada um, dentro das leis divinas, dentro do merecimento.

Qualquer coisa diferente disso, não se aplica a tudo aquilo que eu falei, porque as pessoas podem sim, crescerem, se tornarem extremamente ricas à custa da pobreza e do sofrimento de outros; e com certeza, isto também reverbera, para elas mesmas, e a lição virá, dura e forte, mas virá.

Posts recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Minha Experiência

Carrinho de compras