Sananda – Perdoar e Pedir Perdão Ações Baseadas no Amor Incondicional

Queridos filhos e filhas do planeta Terra! SOU SANANDA!

Mais uma vez é com muita alegria que venho até vocês hoje. Sempre que venho, procuro trazer um ensinamento, procuro trazer fatos, exemplos que possam ajudar as suas almas a evoluírem um pouco a cada dia. Cada alma tem uma caminhada, não importa se são almas que estão aqui há muito tempo ou se são almas que chegaram há pouco tempo no planeta. Cada alma que entra na energia deste planeta, absorve toda esta camada da Terceira Dimensão; e toda aquela perfeição que existia antes, deixa de existir apenas por entrar na atmosfera deste planeta. O próprio meio, as pessoas residentes aqui, faz com que cada alma recém-chegada, comece a viver dentro de todos aqueles preceitos inerentes a Terceira Dimensão.

Muitos conseguem manter o seu Amor Incondicional e conseguem seguir a caminhada cometendo poucos deslizes, que levarão aos carmas, à futuras lições. A grande maioria ao chegar aqui, instantaneamente esquece tudo o que um dia foi e passa a viver como se já morassem neste planeta há milênios; gerando assim, toda espécie de carma a cumprir. Então neste ponto já igualei as almas que chegaram, as almas que estão aqui há muito tempo, Todas têm lições a aprender, todas têm dívidas nas suas próprias caminhadas. E essas dívidas são com quem? Com si próprias.

Vamos entender que cada gesto, cada pensamento, cada ação, cada palavra dita contra alguém ou algo, é como um boomerang, chegará no ponto em que voltará novamente para vocês. Não importa se essa volta é lenta, é rápida; voltará. Então vocês, todos, estão colhendo os frutos das suas próprias caminhadas. Não há julgamento divino. Os julgamentos divinos, as Leis Universais, julgam coisas muito mais importantes e suas consequências para o Todo.

Cada um de vocês quando comete um deslize, são as próprias leis individuais de alma, que trazem tudo de volta para que vocês percebam o mal que causaram. O grande problema nisso tudo é que foi lhes ensinado que o sofrimento físico aplicava o carma. E eu posso garantir a vocês que não aplaca, porque o sofrimento físico provoca outros sentimentos; não elimina a lição aplicada, não elimina o erro cometido. E vocês foram se desequilibrando ao longo do tempo e muitos chegaram ao estágio que estão hoje, totalmente debilitados, porque acreditaram, durante várias encarnações, que o sofrimento físico aplacava seus próprios erros.

Então vamos falar do tempo atual: Cada um de vocês está seguindo rumo à ascensão e para que isto aconteça, vocês precisarão limpar toda a ficha de erros cometidos pelas suas almas. Uma forma rápida e eficiente de limpeza é o perdão. Este sentimento é tão poderoso quanto o Amor Incondicional; porque quando ele é emanado de forma intensa e que vem do fundo do coração, é capaz de eliminar instantaneamente o erro cometido. Essa é a Lei Divina; essa é a Lei Divina leve, não sofrimento físico, apenas o perdão pedido de forma intensa e profunda. E a Lei Divina é tão perfeita, que não importa se o seu pedido de perdão foi aceito; o importante foi a sua ação em pedir perdão.

Aí está o caminho. Não há outro. E pedir perdão é como apagar o processo, é como eliminá-lo de suas mentes e de suas auras, e consequentemente de suas almas. Este é o caminho, o pedido de perdão. Nenhum outro. Então neste momento, vocês têm esta consciência. A grande maioria foi levada a ter esta consciência. E quem tem aplicado isso, está largando pelo caminho todos os processos efetuados pelas suas almas.

Muitos poderão dizer: “Apenas isso? Mas foi tanto sofrimento causado e apenas o pedido de perdão é suficiente para aplacar o que eu sinto?” Então agora vamos falar pelo outro lado. Sim, aquele pedido de perdão, se foi feito de forma profunda e honesta, eliminará sim, o erro cometido por aquela outra alma. Agora é você por que que mantém tanto rancor? Por que que matem tanta dor, tanta raiva? Então para você o caminho é outro, para você o caminho é perdoar. Mas também perdoar da mesma forma, de forma profunda e intensa.

Aí sim ambos estarão leves para seguir a caminhada. Porque aquele também que não sabe perdoar, continua carregando o seu carma ali, porque o pedido de perdão já foi feito. Então percebam que um é independente do outro; se você pede perdão mas o outro não lhe perdoa, está tudo certo para você, o outro ainda terá uma boa caminhada para perceber que precisa lhe perdoar. Agora, aquele que sofreu o dano, perdoa e o outro para ele está tudo certo o que fez? Este outro também terá que pensar um pouco mais, porque provavelmente, repetirá com outra pessoa o que fez aquela.

Então nada é de mão dupla; o pedido de perdão e o perdoar é individual, não importa o que o outro sentirá, não importa se o outro receberá o que você emanou, a trajetória é sua. Então você tem que estar preocupado com a sua trajetória, em pedir o perdão ou perdoar. E é desta forma, unicamente desta forma, que vocês vão se limpando das mágoas e erros causados ao longo das suas caminhadas. Não há outra forma. Não há uma máquina poderosa em que vocês entrarão e sairão limpos. Tudo é aprendizado. Tudo é mudança.

Agora para cada pedido de perdão ou o próprio perdoar, é preciso que haja o aprendizado de não repetir a mesma ação. Porque se isto acontece, se torna cada vez mais difícil aquele coração conseguir perdoar ou pedir perdão, porque o sofrimento vai sendo cada vez mais amplificado. Então não percam tempo. O momento é de perdão e de pedido de perdão. Somente assim, efetivamente, vocês estão limpando suas almas e começam a caminhar mais aceleradamente para a Quinta Dimensão. E tenham a certeza que cada pedido de perdão ou cada perdoar, traz um aprendizado imenso para as suas próprias almas.

Muitos poderão estar achando que está tudo muito simples e muito fácil se livrar de tudo agindo desta forma. Só que não se achem tão espertos; tanto o perdoar como o pedido de perdão, tem que vir acompanhado daquele sentimento importante: o Amor Incondicional. Porque é ele que fará vocês perdoarem ou pedirem perdão. Se ele não estiver acoplado a estes sentimentos, de nada adiantará, vocês estarão apenas se enganando. O ego dizendo: “Ah, perdoei! Ah, pedi perdão, agora acabou!” Não, não, não tem ego. O ego não pode ficar achando que o ato em si é suficiente; é necessário muito Amor. Por quê? Porque quando vocês pedem perdão ou perdoam, existem sentimentos envolvidos aí: mágoa, rancor, raiva, vingança, ódio, só sentimentos negativos. Não fosse assim, não seria necessário o pedido de perdão ou o perdoar.

Então estes sentimentos precisam ser transformados em Amor Incondicional. Aí sim o pedido de perdão e o perdoar valem. E valem muito, porque o Amor Incondicional venceu. Então não achem que é tão fácil e tão simples assim. E digo mais uma coisa: Cada lição a ser aprendida, cada lição que aparece, não encarem como um problema imenso, encarem como uma lição mesmo; em que vocês precisam analisar, estudar, pesquisar nos livros, como se fosse uma prova. E ao fazerem isto tudo com o coração, vocês conseguem passar pela lição.

Então cada ponto de suas vidas, onde vocês percebem que falta algo, não anda, não sai como vocês querem, aí tem algo a ser analisado. Pare, pergunte ao seu Eu Superior o que você precisa ver e não está vendo. E confie que a resposta chegará; e assim você poderá ultrapassar este obstáculo de forma inteligente e fácil. Peça ajuda! Não estamos à sua volta de enfeite, apenas para protegê-los quando vocês se lembram de pedir a nossa ajuda. Estamos aí para ajudá-los em qualquer situação que seja para o crescimento de suas almas. Não se esqueçam disso.

Posts recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Minha Experiência

Carrinho de compras